terça-feira, 20 de maio de 2014

DIA DO PEDAGOGO

" A EDUCAÇÃO É A ARMA MAIS PODEROSA QUE VOCÊ PODE USAR PARA MUDAR O MUNDO"


Parabéns Pedagogos.... em especial ás nossas pedagogas

terça-feira, 13 de maio de 2014

TERAPIA ASSISTIDA POR ANIMAIS- TAA

AQUI NÓS TAMBÉM TEMOS A TAA.
O que é terapia assistida por animais?
A terapia assistida por animais (TAA) é uma prática com critérios específicos onde o animal é 
a parte principal do tratamento, objetivando promover a melhora social, emocional, física e/ou 
cognitiva de pacientes humanos. Ela parte do princípio de que o amor e a amizade que podem surgir 
entre seres humanos e animais geram inúmeros benefícios. A zooterapia pode servir como auxílio no 
tratamento de diversas patologias como síndromes genéticas, hiperatividade, depressão, mal de 
Alzheimer, lesão cerebral, entre outras. (MACHADO; ROCHA; SANTOS e PICCININ). 
A importância dos animais na sociedade não tem limites. A interação homem – 
animal desde o começo dos tempos sempre nos trouxeram benefícios. Eles estão 
sempre prontos e dispostos a nos ajudar, então cabe a nós humanos cuidar desses 
”terapeutas” tão dedicados, respeitando e protegendo das atrocidades cometidas 
pelo próprio homem com criaturas tão inteligentes e importantes para nossa 
sociedade. (MACHADO; ROCHA; SANTOS e PICCININ).

Nossos animais colaboradores e terapeutas....


GURIA






SEGREDO





BRIGITE




CHUVA


BILLY



PRINCESA



NEGUINHA



WISKY


PUF


NOSSAS AVES:









OVELHAS


ROBINHO




PINGUÍM (mais conhecido como SOMBRA)











Criando um vínculo e vencendo o medo.

A Equoterapia é um método terapêutico e educacional que utiliza o
cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar, nas áreas de saúde, educação e
equitação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiência.
Buscou-se demonstrar que uma atitude contratransferencial
baseada em atitudes positivas – tais como aceitação incondicional, confiança e
alegria – leva a uma facilitação na criação de um vínculo positivo entre praticante e
terapeuta. Uma vez estabelecido esse vínculo, o terapeuta pode apresentar ao
praticante de Equoterapia, o cavalo como um objeto transicional. O cavalo tem
diversas características citadas por Winnicott como próprias de um objeto
transicional, tais como textura (a maciez de seu pêlo), calor e vitalidade, e que se
referem ao primeiro objeto relacional de um ser humano, o seio. A relação de um
praticante com o seu cavalo dá-se também na ordem do imaginário, onde esse
animal passa a ser dotado de poderes e atitudes mágicas, em uma zona fronteiriça
entre o mundo interno e o externo. Sendo a Equoterapia lúdica por natureza, tem-se
a possibilidade de explorar o cavalo como um objeto transicional e levar o praticante
através do brincar a desenvolver-se com plenitude. O brincar é uma forma
espontânea e eficaz para desenvolver-se, pois, brincando, faz-se algo, ou seja
externaliza-se o que é interno, e tem-se a oportunidade de adequar o mundo
imaginal ao real, fortalecendo o verdadeiro Self. A utilização do cavalo como objeto
transicional pode ser eficaz tanto para praticantes com grave comprometimento
fisico e mental pois, enriquece o arcabouço de experiências sensoriais, motoras,
afetivas e cognitivas através do brincar, como também para praticantes menos
comprometidos, e que podem vir a controlar de forma independente um cavalo, pois
passam de uma situação de um controle imaginário até uma efetiva ação de domínio
de um animal de aproximadamente 400 a 500 quilos, passando pelos diversos
programas de Equoterapia, a hipoterapia, a educação/reeducação, o pré-esportivo e
o hipismo adaptado. Isso torna o cavalo um objeto transicional perfeito. Uma criança
que brinca é mais saudável, bem como um adulto também, na Equoterapia existe a
possibilidade de um resgate da ludicidade humana ou até mesmo do aprendizado
dela, para aqueles que por diversos motivos não tiveram um objeto transicional em
sua infância.
(General Carracho, da ANDE-BRASIL (Associação Nacional de
Equoterapia)




Qualquer dúvida ou sugestão estamos abertos...
UMA ÓTIMA SEMANA!!!

Equipe Projeto Equoterapia.

segunda-feira, 12 de maio de 2014

CALENDÁRIO

A utilização do calendário antes do início das sessões.
O calendário escolar é de extrema importância, pois ele é um elemento que estimula a organização, memorização de informações, como por exemplo relacionar a datas comemorativas ao calendário.

OBJETIVO:
Entender como números funcionam num contexto específico: o calendário.
Familiarizar-se com uma forma particular de organizar a informação, identificando a passagem do tempo apoiando-se no calendário.
CONTEÚDO:
Utilização de números.
Medição social do tempo.




terça-feira, 22 de abril de 2014

SEMELHANÇA CAVALO X HOMEM








Hugo Wickert – Profº Equitação
ANDE - BRASIL

MOVIMENTO TRIDIMENSIONAL

Como funciona a equoterapia?




O trote que trata...


Você sabia?

Em um minuto o cavalo proporciona ao praticante:

  • 246 Ondulações tridimensionais
  • 738 Correções posturais no praticante
  • 1476 Grupos musculares ativados

A prática da equitação promove:

  • 30 minutos: 354.000 contrações musculares
  • Estimulação do metabolismo
  • Melhora do sistema cardiovascular e respiratório

Vídeo do Movimento Tridimensional do Cavalo:

video

segunda-feira, 14 de abril de 2014

EQUOTERAPIA

Desde o início da humanidade o cavalo serve o ser humano. Primeiro como meio de transporte e posteriormente como animal de trabalho, tração e lazer.
E com o tempo foi observado por alguns estudiosos que a integração entre ser humano e o cavalo promovia um bem estar físico e mental.
E a partir daí entao houve interesse e questionamentos e pesquisas utilizando o cavalo como facilitador do desenvolvimento humano, chegando ao que hoje é denominado equoterapia.
Equoterapia é um método terapêutico que utiliza o cavalo como recurso cinesioterápico e ludoterápico no tratamento do ser humano, visando sua reabilitação global e reintegração social, enriquecendo seu mundo interior, psíquico, facilitando sua adaptação à realidade do mundo.
É no brincar que o ser humano flui toda sua liberdade de criação responsável pelo seu desenvolvimento saudável (Winnicott,1975).
É nesse ambiente de equoterapia que conseguimos dar novas oportunidades aos pacientes que necessitam de uma nova experiência para suprir alguma falha ou ruptura do seu desenvolvimento físico, cognitivo e emocional.
Os processos de maturação do indivíduo precisam de uma ambiente de facilitação para que possam concretizar-se.
(autor desconhecido)